#163466 Resposta

José L. Godinho

Bom dia.
No prédio onde habito existe um casal, cujo elemento feminino tem problemas de saúde e necessita, assiduamente, de ser deslocado, através de ambulância de transporte de doentes, para local que não posso precisar, talvez para obter tratamento. Esse casal possui um cão que, quando estão em casa, ladra esporadicamente, pelo que, o incómodo é diminuto, até porque alguém o manda calar e ele até obedece.
O que me leva a escrever-vos é o fato de durante essas ausências para tratamento (penso eu) o animal fica todo o tempo a ladrar e a uivar, apenas parando, por curtos períodos, para descansar (?). Ora, desta vez, está assim desde as 7h e 30m de 09/07/2015 e são agora 11h e 26m de 10/07/2015 e o coitado lá está a uivar. Não sei se tem alimentação e água. Apesar de gostar de animais, não sou favorável a que estes habitem com pessoas que, infelizmente, por diversas razões não lhes possam dar a atenção devida.
Assim, solicito que me esclareçam, se esta situação pode existir, pois afeta o íntimo e o descanso de quem está, constantemente, a ouvir o animal uivar como se estivesse a chorar e quais as diligências a tomar.
Com os meus cumprimentos