#166326 Resposta

rui david

Infelizmente esta maneira de tratar os animais continua, à vista de todos, como se de coisa normal se tratasse;

É um seu direito contactar novamente o SEPNA para que lhe digam que medidas foram tomadas; se a situação se mantiver, insista; se houver mais pessoas,amigos, vizinhos, que também se sintam revoltados com a situação, assinem nova queixa, todos juntos!

As autoridades não costumam divulgar a identidade de quem fez a queixa; pode ter sido apenas o dono do cão a pôr-se a adivinhar.