#169991 Resposta

Rui David

No caso de haver uma queixa,  as autoridades deslocam-se ao local para fazerem a sua apreciação da situação. Nesse caso é importante, por um lado, confirmar que o animal está devidamente legalizado: vacinas obrigatórias em dia, chip de identificação eletrónica e registo na junta de freguesia da residência. Em relação ao ruído, além de verem por si, poderão querer falar com outros vizinhos; nesse caso, podem adiantar-se e conversar com os outros vizinhos, tentarem perceber as suas opiniões e eventualmente, se for o caso, pedirem-lhes se podem testemunhar em como o vosso não não cria perturbações de maior no prédio.