#171340 Resposta

Carlos

na medida do possível solicito esclarecimento a tomar em nova ocorrência similar á que me aconteceu.

Um PITBULL abandonado ia provocando acidente de viação por circular na faixa de rodagem. Paro e verifico que o cão se encontra extremamente subnutrido, recolho o mesmo e alimento-o, após algumas horas e após me deslocar a um veterinário e já com a informação do CHIP do cão desloco-me a um posto da GNR da área de residência pelas 22h para obter apoio, pois não iria tomar a responsabilidade de ter um cão de raça potencialmente perigosa à minha guarda para que em caso de qualquer acidente não ser responsabilizado por tal. Contudo para minha surpresa não tive qualquer apoios nem sequer o contacto com o dono foi realizado (facultei morada, contacto e nome), tive que trazer o cão de volta para a minha residência e só a muito custo consegui que fosse registado a ocorrência para limitar a linha responsabilidade em caso de acidente. tendo me sido dada a responsabilidade de encaminhar no dia seguinte o animal para o canil municipal. Chegando-me ser dito que não era competência da GNR resolver a situação só em caso de ataque do cão.

podem-me ajudar a ser esclarecido de procedimentos a tomar em nova situação e de qual a responsabilidade/obrigação da GNR no auxilio ao cidadão nesta situação, pois caso tenham obrigações que não tenham assumido, vou instaurar um processo ao guarda em causa..