#174937 Resposta

Rui David

Se não houver testemunhas independentes do que aconteceu, o mais importante deverá ser o relatório médico; é preciso definir se a senhora tem marcas, se essas marcas são consistentes com a mordidela de um cão com o porte do seu e quando terão sido feitas. Se puder, convinha arranjar quem possa testemunhar que o seu cão nunca mostrou agressividade e sempre demonstrou bom comportamento. Entretanto confirmar se a documentação está toda em dia, vacinas, chip de identificação e registo na junta de freguesia e evitar que ele torne a estar na via pública sem trela ou açaime.