#177275 Resposta

Rui David

Contacte novamente o SEPNA para saber em que ponto está o caso; tente sensibilizar outros vizinhos para que haja mais gente a demonstrar preocupação junto das autoridades e contacte uma associação de defesa animal da região que poderão ter os seus contactos privilegiados, nomeadamente com o SEPNA local e ajudar a dar celeridade na resolução.