#177441 Resposta

Rui David

Desde que os animais estejam devidamente legalizados e sejam cumpridas as regras básicas de higiene, uma direcção de condóminos não tem como proibir legalmente a passagem de animais de companhia pelas zonas comuns. Quanto muito, se houver razões superiores, como um condómino que por razões de saúde não possa estar em contacto com pelos de animais, pode combinar-se, por exemplo, que os animais só possam transitar num dos elevadores.