• Autor
    Artigos
  • #178990 Resposta

    Luana

    Boa tarde.

    Voltamos para Portugal com um gato de quase 15 anos (saio e voltou para PT) de um país onde sempre permaneceu em casa e ninca tive qualquer contacto com outro animal. A lei não está muito clara quanto a entrada de gatos deste país (nem se quer está na qualquer lista). Conclusão, ao chegar a PT ficou retido no aeroporto por não ter as analises de anticorpos de raiva, embora tivesse a vaccina válida.  Ficou no canil 15 dias, pelo que pagamos quase 200€. O gato veio alterado, com algumas unhas das patas partidas. Cada vez vez que tentamos cortar as unhas ou limpar quase nos ataca, faz as necessidades fora do lugar. Veio do canil mais magro 1kg e doente. Tinha deixado de comer, levamos ao veterinário, gastamos mais 100€, tratamos da sua infecção. Tem comportamento que nunca teve em 14 anos. Agora quase somos obrigados a abater o gato por culpa de algumas leis seren dúbias, algumas sem sentido e as autoridades abusarem dos donos que estao dedicados aos seus animais de estimação. Tenho a certesa que no canil o mal trataram para ele reagir mal ao tentarmos limpalo. Quem fica responsável por separar o animal da familia onde viveu 14 anos???? Praticamente gastamos muito €€€ para ficar sem o nosso animal de estimação!!! Agora percebo porque algumas pessoas abandonam os animais por leis sem sentido!!!

     

Resposta a: Gato para abate por causa da lei dúbia
A sua informação





<a href="" title="" rel="" target=""> <blockquote cite=""> <code> <pre> <em> <strong> <del datetime=""> <ul> <ol start=""> <li> <img src="" border="" alt="" height="" width="">