A visualizar 2 respostas da conversa
  • Autor
    Artigos
    • #175365 Responder
      Paulo
      Participante

      Boa noite. Estou sem chão. O meu cão, de raça staf terrier, que já ha uns tempos me tentou atacar, atacou e mordeu com bastante violência a minha esposa numa mão tendo, em consequência, ter de ir às urgências hospitalares.

      Hoje tentou atacar o meu filho de 11 anos quando este se encontrava agachado ao pé da lareira a colocar um pau no fogo. De seguida está no sofá com a minha filha mais velha, de 20 anos, que se encontrava a estudar e no momento que ela virou uma página do caderno o cão tentou atacá-la também. Não sei mais o que fazer. Estamos todos com algum medo do cão, para dizer a verdade, mas não sabemos o que podemos fazer. Alguém nos pode informar? Obrigado.

    • #175366 Responder
      Paulo
      Participante

       

    • #175430 Responder
      Rui David
      Convidado

      Pode leva-lo a uma consulta de comportamento clínico – a universidade lusófona, em Lisboa, tem essa valência e haverá porventura noutros sítios.

A visualizar 2 respostas da conversa
Resposta a: O meu cão atacou a minha esposa e filhos
A sua informação





<a href="" title="" rel="" target=""> <blockquote cite=""> <code> <pre class=""> <em> <strong> <del datetime="" cite=""> <ins datetime="" cite=""> <ul> <ol start=""> <li> <img src="" border="" alt="" height="" width="">

Cancelar