• Autor
    Artigos
  • #167462 Resposta

    Irina Calinas

    Exmos Senhores,

    No passado dia 2 de julho o meu cão de companhia com 2 anos (aprox.) foi roubado por esticão em pleno Largo Dom Dinis em Estremoz e levado para o interior da residência dos autores de roubo.

    Os autores do crime, identificados pela PSP, haviam previamente anunciado que intentariam o roubo. Em véspera do sucedido os mesmos dirigiram-se à esquadra da PSP a reclamar propriedade sobre o animal e ter sido este a eles roubado. Não apresentaram quaisquer documentos prova sobre a posse reclamada.

    Ele está registado, tem chip e as vacinas em dia tendo sido a caderneta deste por mim apresentada junto da PSP em data dessa ameaça.

    A participação do roubo foi feita no imediato. A PSP deslocou-se ao local pelo que os autores recusaram-se a entrega-lo às autoridades. Horas mais tarde o cão foi avistado na rua com os autores do roubo e a PSP avisada escusou-se a deslocar ao local, que via pública, “Agora fica para decisão da juíza, a polícia não lhes pode retirar o cão se estes resistirem, temos de aguardar.”

    No entretanto o cão está com os autores do roubo, amedrontado… eu e os meus filhos igualmente angustiados a aguardar notícias sem saber que mais fazer para o protegermos. Quem nos protege?

    Cumprimenta,

    Irina S. Calinas

     

  • #167469 Resposta

    LPDA

    Bom dia

    Este é um caso de polícia. Trata-se de um roubo e como tal tem sempre que ser tratado pelas autoridades policiais.

Resposta a: Resgate de animais roubados
A sua informação





<a href="" title="" rel="" target=""> <blockquote cite=""> <code> <pre> <em> <strong> <del datetime=""> <ul> <ol start=""> <li> <img src="" border="" alt="" height="" width="">